Camilo Epistolar

Cartas de Camilo Castelo Branco a António Pereira Branco




Recomendar livro a um amigo

Sinopse:

Nos dias de hoje, por impossível que pareça, ainda encontramos assuntos da vida de Camilo que permanecem total ou parcialmente inéditos. ¶ É um desses temas que trago ao vosso conhecimento e que consta de um lote de sete cartas escritas por Camilo entre 1872 e 1886 e dirigidas a António Pereira da Cunha, poeta e dramaturgo, Diretor do jornal “A Nação” e Presidente do Partido Legitimista. ¶ Do património deste fidalgo constou a Torre de Cunha, o magnífico Castelo de Portuzelo e a Casa Grande, solar setecentista no centro de Paredes de Coura. ¶ E foi “no precioso cartório da Casa Grande em Paredes de Coura onde encontrei os originais de vários testamentos e outros muitos e valiosos papeis” que me foram dadas a conhecer as cartas referidas, por meus Tios a quem dedico este opúsculo. *************************************************** António Pereira da Cunha, para muitos Dom António Pereira da Cunha, marcou impressivamente a vida cultural e política portuguesa, sobretudo na segunda metade do século XIX. ¶ Nasceu em Viana de Castelo no dia nove de Abril de 1819 e veio a falecer em Lisboa a dezoito de Abril de 1890, ou seja quarenta e quatro dias antes do suicídio de Camilo. *************************************************** Camilo Ferreira Botelho Castelo Branco, mais conhecido por Camilo Castelo Branco, foi a maior figura literária do século XIX português. ¶ Escritor prolixo, desde que publicou o seu primeiro livro em 1845 nunca mais deixou de dar à estampa, numa insistência vertiginosa, milhares de folhas impressas que versavam romances, novelas, contos, dramas, comédias, artigos panfletários e críticas literárias ou políticas muitas vezes aceradas e ferozes de um sarcasmo sangrento e demolidor, além de que colaborou em quase todos os jornais e revistas da época.

Índice:

APRESENTAÇÃO

CAMILO CASTELO BRANCO
1. O GÉNIO DESVENTURADO
2. O VISCONDADO
3. CAMILO MIGUELISTA

ANTÓNIO PEREIRA DA CUNHA
1. PELA PÁTRIA E PELO REI
2. AS CARTAS DE CAMILO

LEITURA PALEOGRÁFICA DAS CARTAS DE CAMILO

CARTAS DIGITALIZADAS DE CAMILO

O AUTOR


O AUTOR:

RUI ALBERTO DO AMARAL LEITÃO nasceu em Muna em 11-11-1937 e foi batizado na Igreja de Santiago de Besteiros em 28.5.1938, sendo seus pais, Francisco de Paula Furtado Leitão e D. Maria de La Salette Teles do Amaral. Casou em Colares, a 19 de Agosto de 1969 com D. Ana Regina Costa de Moura Cardoso.

Detalhes:

Ano: 2021
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 94
Formato: 21x15
ISBN: 9789895660667
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
26/10/2021
ARQUEOLOGIA, PATRIMÓNIO E MUSEUS – Meio Século de intervenção Cívica e Cultural, da autoria de Luís Raposo
LANÇAMENTO: dia 26 de outubro (3.ª feira), às 18h30, na Casa do Alentejo, em Lisboa. Apresentação: Nuno Pacheco (Jornalista)

23/10/2021
ALENTEJO (S) – Imagens do Ambiente Natural e Humano na Literatura de Ficção, coord. de Ana Cristina Carvalho e Albertina Raposo
LANÇAMENTO: dia 23 de outubro (sábado), às 16h00, Casa Fialho de Almeida em Cuba. Apresentação: Professor Vítor Encarnação

30/07/2021
UNION HISPANOMUNDIAL DE ESCRITORES outorga o Escudo de Prata a Edições Colibri
EM RECONHECIMENTO PELO SEU APOIO À LITERATURA

25/05/2018
POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTECÇÃO DE DADOS (RGPD)
RGPD: Como é do conhecimento público, o novo Regulamento Geral de Proteção de Dados é aplicável desde 25 de maio 2018 em todos os Estados-Membros da União Europeia. Navegar no nosso site implica concordar com a nossa política de privacidade (ver AQUI: https://drive.google.com/file/d/1DiXJS-AUwZBB7diQJS5xWrFBDLedWG9c/view). Se não concordar, pode contactar-nos pelos canais alternativos: e-mail ou telefone.

19/03/2018
A Colibri na Rádio Horizonte (92.8)
Clique no menu "Links" para aceder ao canal do Youtube

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99