Rede de Bibliotecas de Lisboa




Recomendar livro a um amigo

Sinopse:

As Bibliotecas Públicas, a exemplo de outras instituições e Organizações, adotaram o modo de organização em rede, especializando-se nos nós, afirmando o individualismo nos processos de trabalho e promovendo a integração nos resultados do conjunto. 󠄱 ¶¶ A evolução dos modelos de organização e de como se estruturam, e a forma de gerir os processos das Bibliotecas Públicas da capital são o objeto desta obra – Rede de Bibliotecas de Lisboa. Este é, desde logo, um título pertinente, porque incorpora as Bibliotecas Públicas de Lisboa na rede interna, isto é, no âmbito do território do Município, que ultrapassa a instituição municipal, entrando na esfera das competências das juntas de freguesia. ¶¶ Rede de Bibliotecas de Lisboa é um estudo suportado por uma abordagem sistémica, que se desenvolve na perspetiva da gestão por processos, no âmbito da Gestão da Qualidade. É, também, um estudo abrangente, que contempla um tempo longo, entre 1883 e a atualidade, em que, através de uma leitura diacrónica, permite ao autor identificar a adoção de distintos modelos organizacionais, que se sucedem no tempo: circular (1883-1931), central (1931-2012) e multi-âncora (2012- ). ¶¶ [Carlos Guardado da Silva] ********************************************************* Biblioteca Pública, como organização, não pode ser sustentada em processos e linhas de orientação imutáveis, mas sim sustentada em métodos de gestão válidos que fomentem valores flexíveis numa busca constante pela inovação e contante adaptação dos serviços às necessidades da comunidade. ¶¶ [Gabriel Filipe Casimiro]

Índice:

Agradecimentos

Prefácio

Resumo

Abstract

Abreviaturas

Introdução

1. Gestão por processos
1.1 Conceitos e principais caraterísticas
1.2 Implementação de processos: fases e ciclos de vida

2. Biblioteca Pública, um conceito em evolução
2.1 O enquadramento para uma Biblioteca Pública
2.2 Para um planeamento estratégico sustentado nas Bibliotecas Públicas
2.3 Padrões normativos das Bibliotecas Públicas
2.3.1 Modelos organizacionais de Bibliotecas Públicas
2.3.2 Edifícios e infraestruturas
2.3.3 Recursos Humanos
2.3.4 Fundos bibliográficos
2.3.5 Horários
2.3.6 Recursos Tecnológicos
2.4 Conclusões

3. Metodologia
3.1 Objeto de estudo
3.2 Bases teóricas e metodológicas
3.3 Estudo de caso
3.4 Instrumentos de recolha de dados
3.4.1 Revisão da literatura
3.4.2 Dados estatísticos
3.4.3 Inquérito por questionário

4. Rede de Bibliotecas de Lisboa
4.1 Princípios do desenvolvimento processual organizacional
4.2 Os diferentes modelos organizacionais do sistema bibliotecário da Rede de Bibliotecas de Lisboa
4.3 Ciclo de inovação dos processos
4.4 Edifícios e infraestruturas
4.5 Recursos Humanos
4.6 Fundos Bibliográficos
4.7 Serviços prestados à comunidade
4.8 Monitorização e avaliação de desempenho dos serviços
4.9 Marcas legais e normativas da Rede de Bibliotecas de Lisboa
4.10 Tomadas de decisão
4.11 O plano de Bibliotecas Municipais de Lisboa, 2012 -2024: Programa Estratégico Bibliotecas XXI.
4.11.1 Base conceptual para o futuro das Bibliotecas Municipais e Lisboa
4.11.2 Um novo conceito e novas funções: Bibliotecas Municipais de Lisboa, uma porta de entrada para a comunidade
4.11.3 O novo modelo do mapa de leitura pública da cidade de Lisboa
4.11.4 Marcas normativas e novas funções
4.11.5 Outras considerações
4.12 Reforma administrativa de 2012: alteração do paradigma delineado no Programa Estratégico Bibliotecas XXI
4.13 Conclusões

5. Análise e interpretação dos dados do questionário
5.1 Perfil
5.1.1 Género
5.1.2 Escolaridade
5.1.3 Idade
5.1.4 Tempo de colaborador na Rede de Bibliotecas de Lisboa e de coordenador
5.2 Planeamento estratégico
5.2.1 Planeamento
5.2.2 Execução
5.3 Modelo organizacional
5.3.1 Planeamento
5.3.2 Execução
5.4 Normas e Padrões
5.4.1 Planeamento
5.4.2 Execução
5.5 Infraestruturas e equipamentos
5.5.1 Planeamento
5.5.2 Execução
5.6 Serviços Prestados
5.6.1 Planeamento
5.6.2 Execução
5.7 Recursos Humanos
5.7.1 Planeamento
5.7.2. Execução
5.8 Monitorização, análise e melhoria
5.8.1 Monitorização
5.8.2 Análise
5.8.3 Melhoria
5.9 Pergunta aberta
5.10 Conclusões

Conclusão

Referências Bibliográficas

Apêndice 1


* * * * *


O AUTOR:

GABRIEL FILIPE CASIMIRO nasceu a 14 de abril de 1977, em Lisboa. Licenciado em História, Especialização em Ciências documentais, Pós-graduado em Estudos de Informação e Bibliotecas Digitais e Mestre em Ciências da Documentação e Informação. Com ligações às Bibliotecas Municipais de Lisboa desde a infância, tendo crescido e vivido numa casa anexa à Biblioteca Palácio Galveias, onde ingressou como estagiário em 1999. Em 2003, começou a exercer funções na Biblioteca Orlando Ribeiro, passando a coordenar a mesma em 2006. A partir de 2007 assumiu a coordenação da Biblioteca Palácio Galveias até 2019, ano em que abraçou novos desafios profissionais.

Detalhes:

Ano: 2021
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 472
Formato: 23x16
ISBN: 9789895660568
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
23/06/2021
ROSA COUTINHO – Prisioneiro na República do Congo, da autoria de Carlos de Almada Contreiras
APRESENTAÇÃO: dia 23 de junho (4.ª feira), às 18h00, na casa do Alentejo, em Lisboa. Apresentação: Capitão-de-Mar-e-Guerra Jorge Lourenço Gonçalves

22/06/2021
CAMPO MAIOR NO CENTRO DE UM CONFLITO INTERNACIONAL, da autoria de Rui Rosado Vieira
APRESENTAÇÃO: dia 22 de junho (3.ª feira) às 18h30, no Quartel do Carmo, em Lisboa. apresentação: General Rui Manuel Clero (General-Comandante-Geral da GNR)

20/06/2021
CALAMENTO, da autoria de Romeu Correia
APRESENTAÇÃO: dia 20 de junho (Domingo) às 16h30, no Centro Comercial “O Pescador”, em Costa da Caparica

19/06/2021
SERTÓRIO – uma história de Vila Nova, da autoria de João Luís Nabo
LANÇAMENTO: 19 de Junho (sáb.), pelas 17h00, no Cine-teatro Curvo Semedo, em Montemor-o-Novo. Apresentação: Doutora Teresa Fonseca e do Doutor Pedro Coelho

17/06/2021
ROSA COUTINHO – Prisioneiro na República do Congo, da autoria de Carlos de Almada Contreiras
LANÇAMENTO: dia 17 de junho (5.ª feira) às 18h00, no Instituto Hidrográfico, em Lisboa. Apresentação de Vice-Almirante José Luís Gonçalves Cardoso

31/12/2019
POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTECÇÃO DE DADOS (RGPD)
RGPD: Como é do conhecimento público, o novo Regulamento Geral de Proteção de Dados é aplicável desde 25 de maio 2018 em todos os Estados-Membros da União Europeia. Navegar no nosso site implica concordar com a nossa política de privacidade (ver AQUI: https://drive.google.com/file/d/1DiXJS-AUwZBB7diQJS5xWrFBDLedWG9c/view). Se não concordar, pode contactar-nos pelos canais alternativos: e-mail ou telefone.

19/03/2018
A Colibri na Rádio Horizonte (92.8)
Clique no menu "Links" para aceder ao canal do Youtube

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99