Sol e Lua




Recomendar livro a um amigo
Temas: Literatura, Poesia

Sinopse:

SOL E LUA ¶¶¶ iniciou a poesia para a relação íntima com o mundo em quadros fugazes e fugas ditirâmbicas invocações encantamentos em sabores de palavras como brilhos de momentos que ficaram interrogações viventes aos destinos fascínios dos mistérios naturais na contemplação e oração ao desconhecido.

Índice:

Prefácio, de Elisabete Oliveira
Prefecção

SOLILÓQUIOS II
1. começar
2. a última viagem
3. sibilas
4. escondida manhã
5. lasciate ogni speranza
6. no silêncio silenciosamente
7. claridades douradas
8. noite de eternidade
9. esta noite que se avizinha
10. procurando uma assinatura
11. das coisas do acaso
12. manhã encostada ao sol
13. nos espaços loucos
14. já das manhãs se cansa a vida
15. a manhã igual
16. magnânima manhã de sol
17. tempo fechado
18. e tudo o que foi
19. a tristeza está parada
20. o insecto
21. nesse olhar que anda comigo
22. este nosso tempo
23. pobre espírito meu
24. as dores serão esquecidas
25. as tardes vão para longe
26. restos das horas que fogem de noite
27. neste esperar do infindável
28. navio de tristeza
29. manhãs que não voltam
30. caminho final
31. vim para aqui ficar em sossego
32. nesta manhã cinzenta e fria
33. minha manhã resto de aurora
34. caem-me tristes os anos
35. kaput
36. no quebrar esta solidão só
37. correm pelas mãos os prantos
38. dos astros vêm os fados
39. das névoas que ficaram
40. já descem sombras a falar baixinho
41. horas que fogem de noite
42. solstício de verão
43. claridades douradas
44. murchou a flor em desolação
45. a minha noite
46. tempo
47. no quebrar esta solidão só
48. neste silêncio de gestos
49. este espasmo da manhã
50. tempo de saturno
51. ditirambo
52. quando o espírito desvia o olhar
53. manhã de sol
54. sob as árvores
55. vai efémera a tarde
56. abulia
57. a dialéctica está cansada
58. manhã doce que me segue
59. cintilações estelares
60. são dos mundos a eterna
61. passam sempre a passar
62. salpicam momentos esta estrada
63. nesta noite ensanguentada
64. da vida que se vê
65. este ser como ausente
66. hoje é dia 22
67. no fumo gelado que transpira

FIGURAS
68. a morte do velho
69. Portugal II
70. choram as horas no relógio antigo
71. mártir
72. cipris
73. crematório na noite
74. o morto
75. Cibele
76. libação
77. poetiza em violeta
78. tempestade
79. Portugal III
80. bolas de sabão na ventania
81. as chagas do heliotropo
82. fugaz olhar no castelo ameado
83. a palavra enferrujada
84. no jardim do palácio
85. recordei as palavras secretas
86. pequena sílfide
87. quatro aves de branco no céu de chumbo

EROS II
88. a outra alma
89. amor será
90. olhei-te de relance
91. este bafo morno de outono
92. não sei onde estás
93. recordação
94. nesse sorriso a sorrir
95. as horas do encontro
96. o caminho longo
97. imagem que ficou
98. que as minhas mãos toquem as nuvens
99. a minha alegria seria
100. eras dourada com gritos do poente
101. se adejas na vida ao longe
102. na manhã sombria
103. a dor preciosa
104. na clara luz que te via
105. o colar
106. as horas iludidas
107. recordando
108. nos dias antigos que vão longe
109. sem nada mesmo nada
110. à espera de ver-te
111. fim de viagem
112. a vida corre por nós
113. impressão de amor
114. breve olhar
115. já tardam os dias
116. recordação breve
117. as palavras a chamarem
118. precisava de ver
119. as palavras cortadas
120. nesse olhar que anda comigo
121. das tuas mãos no cais
122. de rosto moreno e olhos brilhantes
123. instante de Neferti
124. um sonho
125. noite e dia
126. da terra vens
127. horizonte de fogo
128. visitei-te ali
129. fecha-se a porta
130. dúlcida mulher
131. dá-me palavras e olhar terno
132. neste velar
133. vem o outono saudoso de sangue
134. a esperar sempre a esperar
135. este recordar do nunca acontecido
136. eras ali
137. esta estática saudade
138. vão suspiros como leves brisas
139. porque fico a pensar
140. desliza recordação vai longe

Detalhes:

Ano: 2019
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 176
Formato: 23x16
ISBN: 978-989-689-837-3
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
15/12/2019
ALCUNHAS DE MARVÃO, de Teresa Simão
LANÇAMENTO: dia 15 de Dezembro (dom.) às 15h00, em Santo António das Areias – Marvão. Apresentação: Prof. Doutor Jorge Oliveira

14/12/2019
O CAVADOR QUE LIA LIVROS NO TEMPO DE SALAZAR, da autoria de Francisco Cantanhede
LANÇAMENTO: dia 14 de Dezembro (sáb.), às 15h00, na Casa do Alentejo, em Lisboa. Apresentação: Aurora Rodrigues (Jurista e ex-presa política)

10/12/2019
UM RANGER NA GUERRA COLONIAL – Guiné-Bissau (1973-74), da autoria de José Saúde
LANÇAMENTO: dia 10 de Dezembro (3.ª feira), às 21h30, em Beja

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99