Tratado das Alcunhas Alentejanas (4.ª edição)




Recomendar livro a um amigo

Sinopse:

A alcunha é apanágio da aldeia. Está dito e redito que a vida urbana fomenta relações impessoais; destrói os laços do parentesco, pulveriza os elos tradicionais, reduz as relações de vizinhança, esvazia o compadrio. No Alentejo, os grandes centros populacionais não deixam de ser aglomerados rurais, posto de parte o critério demográfico e tendo em linha de conta hábitos, tradições, costumes, modos de vida, fluxos migratórios internos, etc. É natural pois, que “o mau-nome” circule nas vilas e cidades mais populosas, como verdadeira instituição sócio-cultural. É, porém, a aldeia o espaço privilegiado dos nomes falsos.

Índice:

Parte I
1. Palavras prévias
2. Introdução
3. Questões Conceptuais e Metodológicas
a) Introdução
b) Génese e Função das Alcunhas
c) Para uma Taxinomia das Alcunhas
d) Instrumentos Metodológicos
4. Registos Interessantes
a) Variações Sobre o Mesmo Tema
b) A Teia dos Significados
c) Uma Primeira Quantificação do Corpus
d) Para uma Pragmática da Comunicação
e) Apelidos Oriundos de Alcunhas

Parte II
5. Tratado das Alcunhas Alentejanas
6. Bibliografia



OS AUTORES

Francisco Martins Ramos nasceu em Amareleja (Moura) e licenciou-se em Ciências Antropológicas e Etnológicas pela Universidade Técnica de Lisboa (ISCSP). Catedrático de Antropologia e investigador sobre temática alentejana, é Professor Emérito da Universidade de Évora.

Carlos Alberto da Silva, Professor Auxiliar com Agregação da Universidade de Évora. Diretor do Departamento de Sociologia, ECS, Universidade de Évora. Doutor em Sociologia. Investigador do CESNOVA-UNL. Autor e/ou co-autor de várias publicações científicas e relatórios técnicos e científicos das áreas das organizações e trabalho, saúde, desenvolvimento regional e local, cooperação territorial e transfronteiriça.

Detalhes:

Ano: 2013
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 608
Formato: 23,5x17
ISBN: 978-972-772-368-3
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
01/03/2018
MEMÓRIAS DE UMA FALSIFICADORA – A Luta na Clandestinidade pela Liberdade de Portugal, de Margarida Tengarrinha,
LANÇAMENTO: Dia 1 de Março de 2018 (5.ª feira), às 18h00, nos Arquivo Nacional / Torre do Tombo, em Lisboa

31/01/2018
ARQUIPATOLOGIA, de Filipe Montalto
LANÇAMENTO: Dia 31 de Janeiro de 2018 (4.ª feira), às 18h00, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa. Apresentação: António Barbosa (Fac. de Medicina - UL) e Luís Manuel Bernardo (FCSH-UNL)

20/01/2018
A MÚSICA NO CONVENTO DE CRISTO EM TOMAR e PEÇAS DE UM MOSAICO
LANÇAMENTO: 20 de fevereiro (sáb.), às 21h00, no Palácio Nacional de Queluz

20/01/2018
A GÉNESE DO MUSEU DO NEO-REALISMO, da autoria de Joana Lima
APRESENTAÇÃO: dia 20 de Janeiro, Sábado, às 15h00, no Museu do Neo-Realismo, em Vila Franca de Xira. Apresentação: Prof.ª Doutora Luísa Tiago e Oliveira

20/01/2018
REFUGIADOS DA SEGUNDA GUERRA MUNDIAL NAS CALDAS DA RAINHA, de Carolina Henriques Pereira
LANÇAMENTO: 20 de Janeiro (sáb.), às 15h30, no Centro Cultural das Caldas da Rainha. Apresentação: Prof.ª Doutora Irene Vaquinhas

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99